Dicas de Viagem


  • Prepare-se para vir a um lugar rústico, onde o sinal de celular e internet não pega muito bem, e às vezes falta energia e a pousada funciona com a energia de um gerador. Mesmo aqui não tendo alguns dos luxos da cidade grande, todos os que vêem gostam justamente das possibilidades de descanso que a simplicidade traz.
  • A maioria das trilhas não são bem sinalizada, algumas mais movimentada que a outra, mas sempre recomendamos a contratação de Guia, principalmente a trilha do Pico do Papagaio. Em março de 2017, tivemos um turista perdido na mata por 4 dias.
  • Traga dinheiro pois na ilha não há caixas eletrônicos nem bancos. Todo o comércio em geral aceita cartões de crédito.
  • Em períodos de muito movimento, como os meses de dezembro e janeiro e feriados, reserve os passeios de barco com um dia de antecedência. Em dias de sol as vagas podem se esgotar rapidamente.
  • Traga tênis de caminhada para a Ilha Grande. Há muitas trilhas para algumas das melhores praias da Ilha.
  • Traga repelentes e não esqueça de usá-los. A Ilha é coberta de Mata Atlântica nativa e a proliferação de mosquitos aqui é muito alta. No verão há casos de enfermidades transmitidas por insetos.
  • Não são autorizados carros na Ilha, então não há taxis. Para quem vem de carro, ele fica estacionado no continente.
  • No cais de sua chegada haverão alguns carregadores de mala com carrinhos de transporte, que podem trazer as malas até a pousada.

Ligue-nos:

(0xx) 24 3361-5694

Cel

(0xx) 24 98865-0629